HORÁCIO MOSQUITO DESEJA TRANSFORMAR FAF NUMA FEDERAÇÃO DE REFERÊNCIA EM ÁFRICA

Escrito por a Agosto 21, 2022

Em declarações à Rádio 5, nesta sexta-feira (19 de Agosto), o actual presidente do Recreativo da Caála, Horácio Mosquito,  explicou as razões da desistência do seu clube ao Girabola 2022-23, e revelou  o  seu desejo de concorrer nas próximas eleições da FAF.

O presidente pensa em transformar a Federação Angolana de Futebol numa das melhores federações de África.

“Eu acredito que tenho a capacidade de transformar essa federação numa federação de referência em África, mas primeiro temos de ser referência entre as federações cá dentro”, disse.

Horácio Mosquito disse ainda que não vai conseguir  caminhar sozinho, vai precisar de pessoas para chegar ao objectivo pretendido.

“Mas, não vou conseguir fazer isso sozinho, vou precisar de pessoas, umas estão a ser contratadas agora, outras virão para dar consultoria(…).

Não podemos continuar a contar sempre com o Estado. O Estado fará parte do processo porque é uma federação de Angola e depende do MINJUD, mas temos ideia de como tornar essa federação que seja como um espelho.”, afirmou.

Quanto à retirada do seu clube ao Girabola, justificou que é uma das formas para melhor preparar a sua formação em vários níveis, dentre eles a construção da Academia de Futebol António Mosquito.

 


[Não há estações de rádio no banco de dados]