JOÃO LOURENÇO VOTOU POR VOLTA DAS 8H EM LUANDA

Escrito por a Agosto 24, 2022

João Lourenço votou às 08h03 e Bornito de Sousa uns minutos depois, mas em diferentes pontos da cidade de Luanda. Um dia importante para o país e para a democracia, cita o “Expansão”

Uma hora e três minutos depois das urnas abertas, João Lourenço votou na Mesa 5 da Assembleia de Voto 105, instalada na Universidade Lusíada, em Luanda, perante dezenas de cidadão e um aparato de jornalistas nacionais e internacionais.

Numa declaração curta e rápida, devido aos empurrões dos jornalistas que procuravam o melhor ângulo para captar o momento, o Presidente da República e candidato do MPLA mostrou o dedo pintado e disse que o voto correu bem.

“Viemos exercer o direito de voto, é rápido e simples. Saimos todos a ganhar, é a democracia que ganha e Angola”, afirmou, à saída da assembleia de voto, dirigindo-se aos jornalistas.

João Lourenço estava acompanhado da sua esposa, Ana Dias Lourenço, que votou na mesma assembleia, mas na Mesa 1. Estiveram ainda presentes a governadora de Luanda, Ana Paula de Carvalho, e outros membros do MPLA.

A votação abriu às 07h00 em Luanda, com uma ou outra mesa ainda em organização: como é caso da mesa 311, no município do Cazenga, na escola 3022.

Do Cazenga até à Universidade Lusíada, local de votação do Presidente da República e candidato do MPLA, o Expansão observou ruas quase desertas, sem a presença habitual das vendedoras ambulantes, e com o trânsito a processar-se de forma fluída.

Na assembleia de voto 42, mesa 1, na Faculdade de Direito da Universidade Agostinho Neto votou o vice-presidente, Bornito de Sousa, acompanhado da sua esposa. Para o vice-presidente, as quintas eleições são um sinal de “maturidade” e uma “festa” para os angolanos no exterior.

 


[Não há estações de rádio no banco de dados]